Gatinho é resgatado da rua e se torna funcionário da OAB/AP

“Agora ele é o Leon, que crescerá limpo e forte como nossa instituição”, disse Auriney Brito, presidente da seccional.

O gato León caiu nas graças da web. Ele vivia nas ruas e, para se proteger do frio e da chuva, foi parar na sede da OAB/AP. Agora, ele foi adotado e virou “vigia”: usa crachá e tudo.

A publicação sobre a mais nova contratação viralizou no Facebook e no Instagram do presidente da OAB Amapá, Auriney Brito. De sábado pra cá, já recebeu 34 mil comentários e mais de 100 mil compartilhamentos.

t

León chegou até a sede da Ordem, na orla de Macapá, há cerca de 20 dias durante uma chuva forte. Pequeno, tremendo e com frio, foi cuidado por funcionários que deram comida e local para dormir. Dias depois, o felino começou a circular pelo prédio da OAB e dormia em locais como a recepção e no sofá de entrada. Inicialmente, o animal foi recebido de forma negativa.

“Começou a incomodar muita gente”, conta o presidente, porque ele era pequeno e ficavam com medo de pisar em cima. Alguns questionaram o fato de ter um animal circulando pela OAB. “Recebi as reclamações de que era um animal de rua, poderia causar doenças”, lembrou.

Então, eles decidiram reunir a diretoria e dar uma solução: adotar o animal, mantê-lo limpo e bem cuidado, e contratá-lo como funcionário da Ordem. “Agora ele não é mais um desconhecido da rua, é o Leon, que crescerá limpo e forte como nossa instituição”.

Matéria selecionada por Laryssa Abade.

Fonte: https://www.migalhas.com.br/Quentes/17,MI296564,21048-Gatinho+e+resgatado+da+rua+e+se+torna+funcionario+da+OABAP

 


Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s